Atualizado em: 30 de abril de 2020

Você já percebeu que a sua pele não é mais a mesma. Na menopausa, ela perde a umidade natural. Além do aspecto cansado, a pele ressecada favorece as rugas e flacidez no rosto. Saiba que hidratar a pele seca é um dos segredos para uma aparência mais saudável e jovial.

A maioria de nós passa a vida cuidando da pele. Mas, o que funcionou até hoje, aos 50 anos pode não ter a mesma eficiência na hidratação do corpo e da pele. Então, como cuidar da pele durante e após a menopausa para mantê-la com a melhor aparência? Hidratar a pele ressecada ajuda a ter uma aparência mais jovial nessa fase da vida.

Para manter a pele saudável e com uma aparência mais jovem, a hidratação é a chave. É a diferença entre a uva e a uva passa.  

Porque a pele fica seca na menopausa

Por volta dos 51 anos de idade, acontece a menopausa e o fim das menstruações. O corpo diminui a produção dos hormônios sexuais. Um deles, o estrogênio, é responsável por manter a umidade das articulações, da pele e mesmo da vagina, causando ressecamento dos tecidos.

Normalmente, a pele é coberta por uma camada de gorduras e óleos naturais. Eles agem como uma barreira para ajudar a reter a umidade natural e impedir a entrada de substâncias irritantes na pele.

Mas, à medida que envelhecemos, a pele afina e perdemos uma parte dessa proteção. Como resultado, podem surgir problemas como dermatite, eczema e psoríase.

A pele ressecada, além de perder o brilho e o viço, também favorece as rugas e a flacidez.

O uso de hidradantes é recomendado para manter ou devolver a umidade da pele dando um aspecto mais jovem.

Hidratantes: O que são e como funcionam

Hidratar é a chave para proteger a pele após os 50 anos de idade. Algumas pessoas não gostam de usar, mas hidratar a pele pode ser a diferença para ter uma aparência mais jovem.

Os hidratantes são substâncias oleosas que são aplicadas à pele por fricção. São indicados ​​para substituir os óleos naturais da pele, cobrir pequenas fissuras e fornecer uma película protetora calmante. Eles podem, assim, retardar a evaporação da umidade natural da pele, mantendo a hidratação e melhorando a aparência e o toque da pele seca e envelhecida.

A orientação de dermatologistas é usar cremes à base de óleo, sem perfume, corantes e conservantes. O hidratante ideal deve ajudar a restaurar a camada de gorduras da pele, melhorar os mecanismos naturais de retenção de umidade da pele, ser cosmeticamente elegante e aceitável, ser absorvido rapidamente, proporcionando hidratação imediata.

A importância de hidratar a pele seca

Hidratação diária é vital para a pele saudável e não deve ser um hábito apenas estético.  A pele é o maior órgão do corpo e precisa de atenção regular para permanecer jovem, livre de manchas e saudável. 

Como usar o hidratante e a frequência são importantes para conseguir resultados. Vejas as dicas do Centro de Informações de Saúde da Universidade do Tennessee.

Como escolher um hidratante

– Prefira loção com vitaminas e com um FPS de pelo 15 para proteger a pele durante o dia.

  • A vitamina A e vitamina B5 aumentam a firmeza da pele e os níveis de umidade.
  • As vitaminas C e E são antioxidantes e ajudam a proteger a pele e combater os danos à pele.

– Usar loções sem óleo, não comedogênicos (que não obstruem os poros), antialérgicos e indicados por dermatologistas.

Quando hidratar a pele

Os momentos mais importantes para usar o hidratante são: após o banho, o barbear e esfoliação. Pode ser até duas vezes por dia. Hidratar após o banho é muito importante porque a água quente retira toda a umidade e óleos da pele, deixando-a ressecada e seca. Embora a água quente possa ser relaxante, ela também causa estragos na pele. Procure tomar banho com água morna e verá a diferença. Nunca pule o hidratante.

Hidratante protege a pele

A pele do rosto, orelhas, pescoço e peito é muito sensível às mudanças ambientais e são as áreas mais sensíveis para o desenvolvimento de câncer de pele. As células dessas áreas precisam de umidade para serem reparadas.  

Além disso, a massagem na aplicação do hidratante ajuda a estimular a circulação sanguínea e a geração de células novas.

  • Hidratar reduz os problemas de pele – Hidratar todos os dias pode reduzir a chance de desenvolver secura extrema que prejudica a pele podendo causar doenças comuns, como acne.
  • Esconde outras manchas da pele – Usar um hidratante diário garante que as manchas da pele sejam camufladas. Isso acontece porque a hidratação tende a deixar a pele com um leve brilho. As loções com alguma tonalidade ou autobronzeador uniformizam diferentes tons de pele.

Dicas para hidratar a pele

  • A hidratação ajuda a pele a manter seu brilho natural
  • Evitar água quente no banho. Prefira a água morna
  • Após o banho, seque delicadamente a pele, em vez de esfregar. 
  • Beba mais água, pelo menos 2 litros por dia.
  • Use sabonetes suaves e sem perfume, com vitaminas e aloe vera. Sabonetes e shampoos que contêm álcool retiram os óleos naturais da pele. 
  • Use um umidificador de ar em climas muito secos.
  • Muita atenção às mãos. Elas mostram os efeitos do ressecamento mais do que qualquer outra parte do corpo. Aplique um hidratante após cada lavagem das mãos.
  • Use filtro solar ao ar livre, sempre.
  • Aplique protetor labial regularmente. Ele ajuda os lábios secos e rachados. É recomendado o uso de um protetor labial com FPS de pelo menos 30.

Hidratar, sempre

O dermatologista pode te ajudar avaliando sua pele ressecada e indicar os melhores hidratantes para o seu rosto e o seu corpo. E, não se esqueça: tomar bastante água faz maravilhas para a sua pele.

Foto: Pixabay.

Você gostou dessa matéria? Assine a nossa newsletter, logo abaixo, e receba dicas sobre bem estar e estilo de vida.

Gostou da matéria? Assine a nossa Newsletter e receba gratuitamente dicas para curtir a nova vida!