Atualizado em: 9 de dezembro de 2020

O Natal e Ano novo em tempos de covid. Médica cardiologista integrativa dá dicas de como passar as festas nesse final de 2020 de uma maneira diferente

Vamos falar de Natal e de Ano Novo?

O final de ano terá um brilho menor. Teremos que criar novas maneiras de como passar as festas nesse fim de ano.

A pandemia da covid nos tirou 2020. E vai nos tirar também o Natal. E o Ano Novo. Vai nos tirar as reuniões afetivas com quem amamos.

Mas, as novas medidas de restrição é o melhor para todos nós, nesse momento.

De qualquer forma, o vírus não nos tira a esperança de que tudo será melhor no ano que vem. Pois, em 2021, teremos a vacina que vai nos proteger no caminho para uma nova vida. Pois, como dizem, o que era antes não será mais.

Nada impede, no entanto, de termos um final diferente para 2020.

Dra. Renata Isa Santoro

A médica Dra. Renata Isa Santoro, cardiologista e médica integrativa, propõe uma reflexão.

“Reflita nos sentimentos que te afloraram nestes meses, nas emoções que te fizeram mudar a forma como você lida com situações alegres ou desafiadoras, em como aquele amigo ou parente que ficou doente ou foi-se embora te trouxe ensinamentos que não quer deixar no esquecimento.”

Para nos ajudar, a Dra. Renata elaborou uma lista com 11 dicas para tornar esse final de ano mais leve de vivenciar.

DICAS DE COMO PASSAR AS FESTAS DE FIM DO ANO

Como passar as festas do fim de ano. Imagem: Freepik.

1 – Mudar a mentalidade sobre as datas festivas

“A mentalidade que escolhemos ter para entrar nestas datas pode fazer toda a diferença. Em vez de se lastimar por não estar passando o Natal com seus 50 parentes ou reclamar por não levantar a taça de Ano Novo em Nova Iorque, vamos focar nesta nova oportunidade de gerar memórias afetivas diferentes e criar novas tradições”.

2 – Repensar sobre os presentes

“Quem sabe não sejam mais necessárias aquelas toneladas de presentes embaixo da árvore de Natal. Esse feriado traz consigo algumas emoções genuínas, que é dar ao outro um agrado e sentir essa satisfação de volta. Mas, há uma desvantagem nessa troca: o estresse com os gastos, a pressão de comprar mimos para todos os familiares e conhecidos, entrar em lojas lotadas”.   

3 – Repensar as bebidas de fim de ano

“Afinal, você está mesmo comemorando e agradecendo ou está no piloto automático virando uma taça atrás da outra?”.

4 – Criar uma tradição nova

Se você for se reunir com um pequeno grupo, a Dra. Renata propõe que pergunte às pessoas o que é importante para elas. “Em vez de tentar recriar o que acontece todo ano, crie novas experiências”.

5 – Dê experiências em vez de objetos

As experiências ficam mais tempo na memória afetiva do que os objetos. “Então, que tal dar uma massagem, uma aula de pintura, uma sessão individual de numerologia?”

6 – Faça uma doação

“Faça do seu presente uma doação para uma instituição em que você acredite. Atos de altruísmo como esse trazem, comprovadamente, melhor saúde, felicidade e um senso de propósito que fortalece o doador”.

7 – Pratique compras conscientes

Ao escolher um presente preste atenção se está comprando o que planejava ou saiu do seu objetivo. “Compre o que vem do coração”.

8 – Não gaste mais do que você tem

Por que depois isso vai te trazer mais ansiedade, mais estresse e você vai ter que lidar com isso.

9 – Sinta gratidão na troca de presentes

“Ao dar e receber presentes pare um pouco, tire seus pensamentos da agitação, e sinta a verdadeira sensação positiva que é dar um presente e fazer a outra pessoa se sentir querida”.

10 – Tranquilidade à mesa

Na hora da refeição e das conversas, evite os conflitos familiares tão comuns nessa época. “Lembrem-se que estamos todos no mesmo barco e que a reação de um pode ser equilibrada pela compaixão do outro”.

11 – Compartilhar com calma

“Aproveite todos ao redor da mesa para manifestar a presença, sem pressa, de olhar uns para os outros com calma e de simplesmente relaxar no Momento”.

Imagem de capa: Valeria Boltneva/Pexels.

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Quer mais histórias como essa? Inscreva-se no boletim informativo semanal SempreBem!

Compartilhe essa história com as amigas!

Gostou da matéria? Assine a nossa Newsletter e receba gratuitamente dicas para curtir a nova vida!