Atualizado em: 14 de maio de 2020

Sabemos que o chá verde traz muitos benefícios à saúde. É bom até para emagrecer! Um novo estudo diz que o consumo de chá verde está associado a uma diminuição no peso e no índice de massa corporal.

Conhecemos o chá verde por seus benefícios para a saúde. Agora, um grupo de cientistas descobre que o chá verde também emagrece.

O chá verde é um dos mais populares entre as pessoas que cuidam da saúde.  Originário da Ásia, o chá verde tornou-se um hábito em todo o mundo. Ele é muito conhecido, e estudado, por suas propriedades antioxidantes contribuindo para a longevidade. Além disso, contém vitaminas e minerais.

O chá verde é feito a partir da infusão da planta Camellia sinensis. Conforme o processamento, essa planta deriva no chá verde e também no Oolong e chá preto.  

Chá verde, chá preto ou Oolong?

O chá verde é produzido com as folhas da planta Camellia sinensis. Elas passam por um processamento a vapor onde sofrem pouca oxidação, preservando os polifenóis naturais que fazem bem à saúde.  

O mesmo processo de produção do chá verde pode ser utilizado para fazer outros tipos de chá. À medida que as folhas de chá são processadas por mais tempo, elas formam o chá Oolong. Com um pouco mais de tempo no processo, formam o chá preto. Esses chás podem ter atividades biológicas diferentes.

Os chás fazem parte da sabedoria milenar de várias culturas. Pesquisadores procuram identificar porque eles fazem bem às pessoas em diversas situações.

Chá verde emagrece, diz estudo

Que boa notícia, não é? Recentemente, pesquisadores da China, Romênia, Turquia e do Brasil, começaram um estudo para verificar a influência do consumo do chá verde na obesidade em humanos. Alguns resultados já foram publicados na revista Phytotherapy Research  .

Os resultados da pesquisa até aqui mostraram que o chá verde emagrece. Os pesquisadores verificaram que o peso corporal e o índice de massa corporal mudaram significativamente após a administração do chá verde, especificamente por períodos superiores a 12 semanas e uma dose inferior a 800 mg / dia.

E os autores concluíram que “Embora a suplementação de chá verde não possa garantir uma mudança definitiva do peso corporal e do índice de massa corporal, sugerimos que a suplementação de chá verde possa ser usada como uma medida complementar, juntamente com uma dieta equilibrada e saudável e a prática regular de exercício físico”.

Chá verde e a longevidade saudável

O chá verde se tornou popular exatamente por seus benefícios à saúde do corpo e da mente e é reconhecido pelo seu potencial de aumentar a longevidade. O chá verde é rico em polifenóis, vitaminas antioxidantes (vitaminas C e E) e enzimas, poderosos antioxidantes que atuam contra os radicais livres e melhoram a saúde. 

O chá verde emagrece, segundo estudos, e também ajuda na saúde do organismo. Ele é reconhecido como alimento funcional e é usado na preparação de uma variedade de alimentos, preparações farmacêuticas, dentifrícios e cosméticos.

Na menopausa, o hábito de consumir o chá verde pode ser aquele cuidado à mais de que precisamos.

Conheça outros benefícios do chá verde que os pesquisadores estão estudando:

Tratamento de doenças

O consumo de chá verde (e chás preto e Oolong, em menor grau) pode reduzir o risco de muitas doenças crônicas devido às grandes quantidades de polifenóis. Seu consumo está associado à prevenção de alguns tipos de câncer e à redução de doenças crônicas.

Prevenção de diabetes

Os efeitos do chá na obesidade e no diabetes têm recebido cada vez mais atenção. O chá verde pode ajudar a manter níveis saudáveis ​​de açúcar no sangue ajudando a prevenir o diabetes e reduzir o peso corporal.

Fortalece o sistema imunológico

O chá verde possui propriedades que reduzem a inflamação e fortalecem o sistema imunológico. As catequinas do chá verde protegem o corpo contra oxidantes e radicais. 

Anti estresse

O chá verde contém um aminoácido, a L-teanina, que tem um efeito calmante no cérebro. Quem sofre de ansiedade ou estresse poderá se sentir mais calmo com o consumo de chá verde.

Aumenta a energia

O chá verde contém cafeína, assim como o café, mas em menor quantidade. O suficiente para um leve aumento na energia.

Cuidados no consumo do chá verde

Por conter cafeína, que pode causar um aumento no ritmo cardíaco, o chá verde não deve ser tomado por pessoas com problemas cardíacos. Mulheres grávidas e que amamentam não devem beber mais que uma ou duas xícaras por dia. Pessoas que tomam alguns medicamentos também precisam controlar o consumo de chá verde devido aos efeitos diuréticos da cafeína. Nesses casos, converse com o seu médico.

Como consumir o chá verde

A nutricionista Mônica Johansen Stockler explicou ao site Ativo como consumir o chá verde: “Para obter os benefícios do chá, o ideal é consumir de quatro a seis xícaras ao dia, e fracioná-lo entre as refeições. Para o seu preparo, é preciso apenas acrescentar de duas a quatro colheres de sopa para 1 litro de água fervida. É importante ressaltar que, se a escolha for ingeri-lo em cápsulas, a dose deve vir de uma orientação de um profissional nutricionista”.  

A preparação do chá verde é um pouco diferente dos chás tradicionais. A água não pode estar fervendo. E o tempo de infusão não deve passar três minutos.

Faça o seu próprio ritual do chá

O chá verde, por sua associação à cultura asiática, pode nos lembrar da cerimônia do chá, que vemos em alguns filmes.

Embora popular em toda a Ásia, o chá verde tornou-se uma paixão no Japão. Lá, o monge Sen no Rikyu, ligado à filosofia zen, estruturou a Cerimônia do Chá, no final do século XVI, com os princípios da Harmonia, Respeito, Pureza e Tranquilidade.

Chá verde: acalma e faz bem à saúde. Foto: Pexels/Pixabay.

O CAMINHO É O SEU DIA A DIA.
“O Chá é nada mais do que isto:
Primeiro você aquece a água, e então você prepara o chá.
Então, você o bebe corretamente.
Isso é tudo o que você precisa saber”.
(Sen no Rikyu)

O que acha de criar a sua própria cerimônia do chá para? Poder escapar da correria do dia a dia, pelo menos por alguns minutos. Que sejam somente seus esses momentos de tranquilidade. E, cuidando da saúde, claro.

Foto de Capa: Unplash

Você gostou dessa matéria? Assine a nossa newsletter e receba dicas sobre bem estar e estilo de vida.

Gostou da matéria? Assine a nossa Newsletter e receba gratuitamente dicas para curtir a nova vida!