Atualizado em: 28 de agosto de 2020

O resultado da pesquisa revela que a sociedade precisa falar sobre a menopausa e as mulheres, um processo biológico natural e uma questão da saúde feminina.

Mulheres famosas falam sobre a menopausa na mídia e ajudam a chamar a atenção para esse momento da vida de todas. Já é um começo para derrubar os tabus que envolvem o assunto na sociedade e entre as próprias mulheres.

Mas, ainda falta muito para que a mulher de 40,50 anos possa viver sua vida plenamente.

É o que revela uma pesquisa de uma marca de beleza, a Avon, que descobriu que quase 50% das mulheres no mundo estão despreparadas e desinformadas quando se trata da menopausa, especialmente com relação à fase inicial, a perimenopausa.

De acordo com o estudo, 44% das mulheres em todo o mundo desconheciam a perimenopausa até começarem a ter sintomas

A pesquisa também mostrou que a fonte de informações mais popular entre elas, pelo menos para 31%, é a internet, acima de ginecologistas, médicos de família e amigos.

O estudo “Menopause TLI. Pouca informação … O déficit global de conversação”, divulgado em julho de 2020, foi realizado em quatro continentes e com a participação da especialista em saúde da mulher, Dra. Sarah Jarvis, da Inglaterra. A pesquisa entrevistou mulheres com idades entre 45 e 65 anos, que estavam experimentando ou já haviam experimentado a menopausa.

Gina Ghura, chefe de Inovação Futura da Avon explica:

“Realizamos este estudo global sobre a menopausa para entender melhor as experiências das mulheres neste momento de suas vidas. Ao observar as mudanças físicas compartilhadas por tantas pessoas, sabíamos que poderíamos apoiar as mulheres por meio da inovação de nossos produtos e desenvolver algo que fosse funcional e agradável de usar”.

Peri…menopausa …..?

As mulheres têm muitas dúvidas sobre a menopausa. Mais ainda sobre o seu início conhecido como perimenopausa, e que pode iniciar perto dos 45 anos de idade, quando começam os primeiros sintomas.

Segundo o estudo:

Quase metade (46%) não esperava a perimenopausa quando ela iniciou e foram surpreendidas quando começaram a sentir os sintomas, provocando ansiedade.

Além disso, globalmente, as mulheres ainda não entendem a menopausa:

  • 36% afirmam ainda não entender as duas fases, perimenopausa e menopausa, apesar de estar em uma dessas fases.
  • 46% das mulheres não se sentem preparadas para a menopausa.

É preciso conversar sobre menopausa

Para as mulheres, desconhecer a menopausa, é causa de ansiedade, diz o estudo. Foto: Jonathan Cosens/Unsplash 

O relatório mostrou que, globalmente, a menopausa é um assunto que as mulheres ainda relutam em discutir. Na verdade, em vez de procurar amigos, parceiros ou o médico para obter aconselhamento e apoio muitas mulheres estão recorrendo à Internet.

  • Apenas 6% das mulheres em todo o mundo disseram que discutiriam o assunto com suas mães.
  • Um quarto das mulheres (23%) sente-se desconfortável/muito desconfortável ao discutir a menopausa com o parceiro.
  • E, talvez ainda mais surpreendente, é o fato de 22% delas se sentirem desconfortáveis​​/muito desconfortáveis ​​em discutir o assunto com os amigos ou amigas.

Uma das conclusões do estudo é que as mulheres desconhecem porque sua pele começa a sofrer mudanças ou não sabem como controlar essas transformações. E, num mundo dominado pela comunicação e redes sociais, por algum motivo, a menopausa é pouco discutida e, portanto, mal compreendida.

Menopausa é questão de saúde da mulher

A pesquisa revela uma realidade que conhecemos. Geralmente, as mulheres pensam que a menopausa é algo que acontece na casa dos 50 anos, enquanto na maioria das vezes elas começam a sentir os sintomas muito mais cedo em uma fase pouco familiar – a perimenopausa, perto dos 45 anos.

É preciso falar mais sobre isso, explicar os estágios da menopausa para eliminar o choque inicial de perceber as mudanças e não saber o que fazer, muitas vezes.  

As mudanças hormonais podem ter um grande impacto sobre o humor e como nos sentimos sobre nós mesmas. 

A descompensação hormonal pode perturbar o sono e a concentração e afetar o peso, pele, cabelo e níveis de energia. Pode também provocar as chamadas ondas de calor, suor noturno, irritabilidade e ansiedade. Isso pode ser confuso e preocupante para as mulheres e suas famílias. 

Saber o que está acontecendo é o primeiro passo para gerenciar os sintomas e vivenciar esse processo natural com impacto reduzido e mais segurança.

No Brasil, existem cerca de 25 milhões de mulheres entre 40 e 60 anos de idade.

Falar sobre perimenopausa e menopausa é uma questão de saúde da mulher e de qualidade de vida para nós.

Foto de capa: Marcos Paulo Prado/Unsplash.

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Quer mais histórias como essa?                           

A nova maturidade: mulheres 50+, 60+ protagonizam mais essa mudança Famosas abrem o coração e contam como é viver a menopausa
Gostou da matéria? Assine a nossa Newsletter e receba gratuitamente dicas para curtir a nova vida!